segunda-feira, 9 de agosto de 2010

Comunidade de Ponta da Serra homenageia Monsenhor Bosco - Por: Antonio Correia Lima

Realizou-se neste domingo dia 08, na sede do distrito Ponta da Serra, uma justa homenagem ao Monsenhor João Bosco Cartaxo Esmeraldo, que por 27 anos esteve à frente da Paróquia de São José Operário.

O evento teve início às 5 horas, com uma grande caminhada à “Pedra que fala”, localizada ao sopé da Serra do Juá, onde foi implantado o Cruzeiro das Santas Missões , em 30 de julho de 1989, quando das comemorações dos Jubileus de Diamante de criação da Diocese do Crato.

Na volta, aconteceu o descerramento da Placa de Honra ao Mérito, ao Mons.Bosco, que foi assentada no canteiro da Praça Manuel Ribeiro de Matos, em frente à Matriz de São José. Em seguida, foi servido um lanche a todos os presentes.

Às 17 : 30hs. teve início a passeata pelas ruas da sede com o Monsenhor Bosco, que contou com a participação de um grande número de pessoas da sede e das comunidades que formam a Paróquia de São José Operário, animada pela Banda de Música do Crato.

Às 18:30hs., na Quadra Poliesportiva Raimundo Ribeiro de Matos, foi iniciada a Santa Missa, presidida pelo Mon.s João Bosco, concelebrada pelos padres Rocildo Alves Lima Filho e Valdecir da Silva Moreno, auxiliados pelo diácono Dionísio e os seminaristas Reginaldo, Damião e Antonio Neto.

Como se sabe, Monsenhor João Bosco irá assumir a reitoria do Santuário Eucarístico Diocesano São Vicente, neste dia 20, enquanto em seu lugar, na Paróquia de São José Operário, assumirá o Padre Ribeiro, neste dia 14.

O padre Cícero Caboclo, que foi vigário paroquial por 1 ano, em Ponta da Serra, foi transferido para a Paróquia de Pontengi CE.

A homenagem prestada ao Monsenhor Bosco, no dia de ontem, foi sem dúvida, uma grande festa, à altura do homenageado.

A comunidade está triste, mas ao mesmo tempo, consciente de que Monsenhor continuará presente na luta em prol do desenvolvimento do distrito de Ponta da Serra.

Um comentário:

Iris Pereira disse...

Muito merecida a homenagem feito ao Mons.
E você fez sua parte parte muito bem. Gostei das fotos. Depois vou comentar.
O Texto está ótimo.
Um abraço
Iris Pereira