quinta-feira, 6 de agosto de 2009

060809 - NOTÍCIAS DO CRATO

06-08-2009Palestra sensibiliza profissionais de saúde sobre a Gripe A

Médicos, enfermeiros do Programa de Saúde da Família (PSF), do Crato, dentre outro profissionais de saúde e coordenação da Epidemiologia, participaram, na manhã de ontem, de palestra sobre Gripe Influenza A (H1N1), no auditório do Hospital e Maternidade São Vicente de Paulo. Esta foi a primeira palestra de sensibilização promovida para os profissionais de todas as microrregionais de saúde da região sobre a nova gripe. A meta foi possibilitar esclarecimentos, como os profissionais devem proceder diante dos casos e como atuar no sentido de levar informações à população, prevenindo a gripe suína. Mais de 200 profissionais de cerca de 40 municípios estiveram presentes à palestra, promovida pela médica infectologista da Secretaria de Saúde do Estado, Dione Rolim.

Mobilização Social continua com orientação nas escolas

O Núcleo de Mobilização Social da Secretaria de Saúde do Crato continua com o trabalho de orientação e divulgação das escolas do município, com o reinício das aulas, sobre a Gripe Influenza A (H1N1). Segundo a coordenadora da Mobilização Social, Luciana Callou, o trabalho tem sido intensificado no sentido de levar o máximo de informações possível, como forma de possibilitar a prevenção da gripe suína. Panfletos informativos estão sendo distribuídos e cartazes estão sendo afixados nas unidades de ensino.

Um dia de lazer das jornadas da convivência

A Prefeitura Municipal de Crato, através da Secretaria de Ação Social, em parceria com o PETI (Programa de Erradicação do Trabalho Infantil), informa que nos dias 6 e 7 de agosto de 2009 estará realizando um passeio com as crianças e adolescentes que participam das jornadas de convivência.
Fonte: Assessoria de ImprensaGoverno Municipal do CratoFone/Fax - (88) 3521.7069Mais informações:
http://www.crato.ce.gov.br/http://www.prefeituramunicipaldocrato.blogspot.com/

Um comentário:

A.Morais disse...

Antonio.

Este é um assunto que merece atenção das autoridades. As pessoas precisam de orientação. Região como a nossa, onde as Secretarias de Saude não contam com os meios necessarios para atender, convem pelo menos orientar. O seu Blog está fazendo a sua parte. parabens.